Pesquisa com foco no combate a progressão do melanoma recebe Menção Honrosa no “Prêmio CAPES de Tese 2022”

A tese de doutorado “Análise bioinformática e caracterização funcional de RNAs longos não-codificadores envolvidos na progressão do melanoma”, de autoria do pesquisador Ádamo Davi Diógenes Siena, recebeu Menção Honrosa no “Prêmio CAPES de Tese 2022”.

O trabalho foi premiado na área de Ciências Biológicas I e contou com a orientação do Prof. Dr. Wilson Araújo da Silva Junior, docente da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP-USP) e pesquisador principal do Centro de Terapia Celular (CTC-USP).

O melanoma representa cerca de 5% dos cânceres de pele, mas corresponde a 80% das mortes de pacientes acometidos. Quando detectado precocemente, tem grande chance de ressecção, mas em um cenário de metástase seu prognóstico é ruim.

O estudo completo está disponível na Biblioteca Digital da USP no link: https://bit.ly/3JLI3Ro.

Assista ao vídeo abaixo produzido pela TV Hemocentro RP!