Assistência

Hemocentro faz coleta de sangue na SMAR APD

A equipe da coleta externa do Hemocentro foi até a SMAR APD para mais uma coleta externa. Com isso, a empresa estimula os colaboradores a doação de sangue e os pacientes do Hemocentro garantem estoques em níveis satisfatórios.

Estimule a responsabilidade social e faça sua companhia uma amiga do Hemocentro.

Ligue 16 2101-9343, nossa equipe está pronta para ir até sua empresa.

Hemocentro itinerante SAS Brasil estará em Ribeirão Preto (SP) de 18 a 21 de abril

Agende sua doação para a carreta itinerante

Clique aqui

 

Local: Esplanada do Theatro Pedro II, Centro de Ribeirão Preto
Dias: 18 a 21 de abril
Horário: das 8h às 12h
Orientações ao doador: hemocentro.fmrp.usp.br/canal-do-doador/duvidas-e-perguntas

Para fazer sua doação em outro local clique aqui.


Conheça mais sobre o projeto

A iniciativa da startup social SAS Brasil, com patrocínio da Drogaria São Paulo e da Roche, percorre o país desde 2020 e retoma a ação de volta em São Paulo, desta vez com apoio do Hemocentro de Ribeirão Preto, do Theatro Pedro II e da Prefeitura da cidade paulista

Hemocentro itinerante SAS Brasil – Drogaria Pacheco e Roche Brasil. Foto: Renata Veronez/SAS Brasil

São Paulo, abril de 2022 – A SAS Brasil, startup social que leva saúde especializada a regiões de vulnerabilidade em todo o país, uniu-se à Drogaria São Paulo e à Roche para retomar uma ação inovadora: o Hemocentro Itinerante SAS Brasil. Depois de passar pela região metropolitana de São Paulo, em 2020, e por cidades do Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás e do Distrito Federal, em 2021, o banco de sangue móvel retomou a ação em 2022 de volta ao estado de São Paulo—após passar por Guarulhos, Morumbi (Zona Sul da capital), Taboão da Serra, Campinas, Indaiatuba, Osasco, Tatuapé (Zona Leste da capital), Garça e Lins, o banco de sangue móvel chega em Ribeirão Preto, de 18 a 21 de abril, com apoio do Hemocentro de Ribeirão Preto, Theatro Pedro II e da Prefeitura da cidade do interior paulista. As doações poderão ser feitas das 8h às 12h, na Praça da Esplanada, em frente ao Theatro Pedro II (Rua Álvares Cabral, 370 – Centro, Ribeirão Preto – SP), com agendamento prévio pelo site sasbrasil.org.br/hemocentro.

Em 2020, a SAS Brasil deu início ao Hemocentro Itinerante com o intuito de contribuir com a coleta de sangue nos hemocentros brasileiros, além de fomentar a cultura de doação de sangue no país. Naquele ano, ao longo de cerca de dois meses e meio, mais de 2,1 mil pessoas doaram, beneficiando potencialmente quase 9 mil pacientes. Durante a campanha, a carreta foi adaptada para as doações em linha com as normas de segurança sanitária de prevenção à covid-19. Em 2021, centenas de pessoas doaram mais de 600 litros de sangue, que beneficiaram mais de 5 mil pacientes que precisam de transfusão. Em 2022, 987 pessoas já fizeram a doação de sangue e mais de 3,9 mil serão potencialmente beneficiadas. Já são 469 litros de sangue doados só neste ano. A carreta já rodou mais de 765 km em 2022.

Confira o balanço:

Dados totais de 2022, até o momento:
1.071 doações;
39% doaram pela primeira vez;
4.284 potencialmente beneficiadas;
509 litros de sangue coletados;
874 km rodados pela carreta.

Dados totais de 2020 a 2022 (até 11 de abril):
4.546 doações;
Mais de 18 mil pessoas potencialmente beneficiadas;
Mais de 2.100 litros de sangue coletados;
Mais de 8.200 km rodados pela carreta.

 

Doação de sangue no Hemocentro Itinerante. Foto: Gabriel Nunes/SAS Brasil

Segundo dados do Ministério da Saúde, menos de 2% da população brasileira doa sangue regularmente no país. A OMS (Organização Mundial de Saúde) recomenda que esse número seja próximo a 5%. Com a pandemia, os estoques dos principais hemocentros brasileiros sofreram reduções significativas: mesmo pessoas que já tinham o hábito de doar sangue deixaram de ir aos centros recolhedores.

“Utilizar a carreta com impacto entre uma e outra expedição da SAS Brasil sempre foi um objetivo nosso”, diz a médica Adriana Mallet, CEO da organização. “Ver este projeto entrar no terceiro ano, ainda mais maduro e com números tão significativos e com parceiros tão importantes como a Drogaria São Paulo e a Roche nos faz imensamente felizes”, completa. “Acreditamos ser muito importante fomentar nos brasileiros a cultura do doar, e a doação de sangue é um ato simples e generoso que salva vidas”.

Para ampliar o alcance da ação, a SAS Brasil conta, desde 2021, com o patrocínio do Grupo DPSP (formado pelas Drogarias Pacheco e Drogaria São Paulo), que também tem em suas premissas o atendimento de qualidade e o acesso efetivo à saúde. “Esse é um projeto pioneiro que nos enche de orgulho pela sua relevância e abrangência”, ressalta Andrea Sylos, diretora comercial e de Marketing do Grupo DPSP. “O número de doações caiu muito durante a pandemia e o Hemocentro Itinerante se propõe a reverter esse cenário. É a primeira vez que uma rede de farmácias viabiliza uma ação como essa no país”, diz ela. Segundo a executiva, “com a carreta, aproximamos os hemocentros de locais com amplo movimento, estimulando ainda mais pessoas a realizar esse gesto de solidariedade tão importante e necessário. A primeira fase do projeto foi um sucesso e não tenho dúvidas de que conseguiremos repetir esses bons números nas cidades de São Paulo também”.

A fim de somar mais esforços, a farmacêutica Roche, parceira da SAS Brasil desde a criação da startup, em 2013, também patrocina o Hemocentro Itinerante em 2022, a exemplo do que fez em 2020. “A queda nas doações de sangue é um cenário preocupante, que foi acentuado em meio à pandemia e demanda atuação proativa e solidária em prol da reposição dos estoques dos hemocentros”, comenta Adriana Lima, Gerente Jurídica, de Responsabilidade Social e Sustentabilidade da Roche Farma. Seguindo o nosso propósito de não deixar nenhum paciente para trás, mais uma vez a Roche se alia à SAS Brasil, para incentivar os cidadãos a exercer um ato humanitário e simples que pode salvar vidas”, completa a executiva.

Nesta etapa, a SAS Brasil conta com o apoio do Hemocentro de Ribeirão Preto, Theatro Pedro II e Prefeitura Municipal Ribeirão Preto.

Para acompanhar a chegada da carreta a novas regiões basta acessar o site e as redes sociais da SAS Brasil.

Estrutura interna do Hemocentro Itinerante. Foto: Gabriel Nunes/SAS Brasil

Serviço: Hemocentro Itinerante SAS Brasil – Drogaria São Paulo e Roche (etapa SP)
Data: 18 a 21 de abril (segunda a quinta)
Horário: das 8h às 12h
Endereço: Praça da Esplanada, em frente ao Theatro Pedro II – Rua Álvares Cabral, 370 – Centro, Ribeirão Preto – SP

Outros locais e datas serão informados nos canais da SAS Brasil. Em todos os casos, para agendar a doação é necessário acessar o site do Hemocentro Itinerante SAS Brasil.

Sobre a SAS Brasil

A SAS Brasil é uma startup social que, desde 2013, leva saúde especializada a dezenas de milhares de pessoas carentes em localidades afastadas de grandes centros urbanos em todo o país. Desde o início da pandemia, a entidade atende pessoas socialmente vulneráveis também por telemedicina, com plataforma própria. Em 2020, diante da carência de sangue nos hemocentros, deu início ao Hemocentro Itinerante, que já arrecadou cerca de mil litros de sangue e beneficiou potencialmente mais de 8,5 mil pessoas.

Sobre o Grupo DPSP

Com a missão de proporcionar qualidade no atendimento, cuidados com a saúde e bem-estar a todos, o Grupo DPSP nasceu em 2011 e conta com as redes Drogarias Pacheco e Drogaria São Paulo. A companhia é um dos principais players do varejo farmacêutico com aproximadamente 1.400 lojas em 8 estados do Brasil, além do Distrito Federal. Hoje, o Grupo DPSP atende seus clientes em lojas físicas, e-commerce, televendas e aplicativo. As marcas Drogarias Pacheco e Drogaria São Paulo levam em seu DNA uma história de confiança e credibilidade no mercado nacional da saúde, preocupando-se constantemente em oferecer excelência em seus processos e a garantia da satisfação do consumidor.

Sobre a Roche

A Roche é uma empresa global, pioneira em produtos farmacêuticos, diabetes e de diagnóstico, dedicada a desenvolver avanços na ciência para melhorar a vida das pessoas. Aliando a capacidade e o conhecimento na ciência baseada em evidências, das divisões Farmacêutica e Diagnóstica, atua oferecendo medicina personalizada. No Brasil criamos soluções com todo ecossistema de saúde. Fundada em 1896, a Roche busca constantemente meios mais eficazes para prevenir, diagnosticar e tratar doenças, contribuindo de modo sustentável para a sociedade. A empresa também visa melhorar o acesso de pacientes às inovações médicas, trabalhando em parceria com todos os públicos envolvidos. Mais de 30 medicamentos desenvolvidos pela Roche estão incluídos na Lista de Medicamentos Essenciais da Organização Mundial da Saúde, entre eles, antibióticos, antimaláricos e medicamentos contra o câncer que salvam vidas. Além disso, pelo 12o ano consecutivo, a Roche foi reconhecida como uma das empresas mais sustentáveis na Indústria Farmacêutica pelo Índice de Sustentabilidade Dow Jones (DJSI). Com sede na Basileia, Suíça, o Grupo Roche atua em mais de 100 países e, em 2020, empregou mais de 100.000 pessoas em todo o mundo. No mesmo ano, a Roche investiu 12,2 bilhões de francos suíços em Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) e suas vendas alcançaram 58,3 bilhões de francos suíços. Para saber mais, clique aqui.

Informação à imprensa:
sasbrasil@oliverpress.com.br

Estoque de sangue é crítico no Hemocentro

O estoque de sangue no Hemocentro de Ribeirão Preto chegou a um dos mais baixos já registrados. Há apenas uma bolsa de A NEGATIVO. Para atender a demanda dos hospitais, nesta semana, são necessárias ao menos 38 bolsas.

Para piorar o quadro, o O NEGATIVO, tipo universal, ou seja, pode ser transfundido em pacientes com outros tipos sanguíneos, tem apenas 32 bolsas. Mas há necessidade de 72 bolsas.

Rede de Alerta funciona como radar para detectar variantes do vírus da COVID-19

O Hemocentro é uma das seis instituições da Rede de Alerta das Variantes do SARS-CoV-2, no estado, responsáveis por fazer o sequenciamento genômico das amostras do vírus causador da COVID-19.

De acordo com a pesquisadora Simone Kashima, no Brasil, há quatro variantes preocupantes: delta, alpha, beta e gama. Na África do Sul surgiu mais uma variante que recebeu o nome ômicron.

Isso colocou em alerta todos os serviços. Em Ribeirão Preto, o laboratório do Hemocentro já realizou 250 mil exames para detectar o SARS-CoV-2 e mais de 6.000 sequenciamentos genômicos, que permitiram descobrir quais as variantes  do vírus circulam pela região de Ribeirão Preto, Franca, Barretos e Araraquara.

Hemocentro tem apenas 2 bolsas de O negativo e precisa de 72

O estoque de sangue tipo O negativo está em situação crítica, com apenas duas bolsas, quando são necessárias 72 bolsas para atender à demanda da semana. No momento, há pedidos do Hospital das Clinicas, Santa Casa de Ribeirão Preto, Santa Casa de Santa Rita do Passa Quatro, São Joaquim e Olímpia. “Se continuar assim, vamos ter que decidir o que é prioridade para o envio das bolsas de sangue”, explica a assistente social Marina Braga.
acesse o link e veja o Hemocentro mais perto de você: https://www.hemocentro.fmrp.usp.br/canal-do…/onde-doar/

Deputado Roberto Engler apresentará emenda de R$ 300 mil para o Hemocentro

O deputado estadual Roberto Engler em reunião, na manhã desta segunda-feira, confirmou que vai repassar R$ 300 mil das emendas parlamentares impositivas que tem direito para o Hemonúcleo de Franca e que atuará junto com os outros deputados para que o orçamento da Hemocentro seja reajustado dos atuais R$ 7.7 milhões para quase R$ 15 milhões em 2022.

O deputado em reunião com a coordenadora médica, Eugenia Ubiali e a coordenadora de Gestão, Elaine Faria, conheceu os graves problemas financeiros da Instituição que levou à redução de horário de atendimento no Hemonúcleo, redução dos salários dos funcionários , demissões de colaboradores e dívida de quase 9 milhões em toda a rede.

Os recursos repassados pelo deputado Roberto Engler vão ser investidos no Hemonúcleo de Franca, que atendeu cerca de 13 mil doadores em 2020. A direção do Hemocentro não mede esforços para conversar com todos os deputados de sua área de atuação na busca de apoio.

Hemocentro recebe verba de emendas parlamentares

Há pelo menos três anos, a direção do Hemocentro busca junto aos parlamentares, principalmente, daqueles que atuam nas regiões de abrangência da Instituição apoio para reforçar o caixa e reduzir o déficit que chegou a quase R$ 9 milhões em 2020.

A situação ficou tão crítica, que a direção se viu obrigada a tomar medidas drásticas para não fechar o serviço em várias cidades. Por isso, reduziu horário de atendimento ao público, reduziu salários e, infelizmente, demitiu colaboradores para manter, mesmo com horário reduzido, o funcionamento de Núcleos e Unidades.

A direção do Hemocentro continuou sua luta para revisão do orçamento e de mais emendas parlamentares em 2020 e esse esforço começa a ser recompensado. A Instituição recebeu R$ 100 mil do deputado estadual Frederico D’Ávila e R$ 765 mil da bancada paulista de deputados federais, referentes ao orçamento de 2020.

O trabalho junto à bancada dos 70 deputados federais foi realizado pelos deputados estaduais Léo Oliveira e Rafael Silva, e pelos deputados federais Ricardo Silva e Baleia Rossi.

Léo Oliveira atua para adequar orçamento do Hemocentro de RP

Com articulação do deputado estadual Léo Oliveira, representantes da diretoria do Hemocentro reuniram-se com o presidente da Assembleia Legislativa (ALESP), Carlão Pignatari, em São Paulo. Principal objetivo é atualizar orçamento da fundação de R$ 7 milhões para R$ 15 milhões anuais.

Valor atual está defasado há mais de dez anos, trazendo dificuldade na gestão – inclusive no pagamento aos fornecedores. O presidente da ALESP garantiu que vai atuar para atender essa reivindicação no relatório do Orçamento Estadual de 2022, que será votado neste ano.

FOTO: Marcos de Assis – assessor Hemocentro, Carlão Pignatari – presidente ALESP, Léo Oliveira – deputado estadual e Elaine Sousa – coordenadora gestão Hemocentro.

Scroll to Top